FOTO

FOTO
la fotografia es de la Paz Bolivia 2017 , autor luis pedro mujica

sábado, 25 de febrero de 2017

GRAVES RISCOS SOBRE O PARQUE DE ITAPEVA perto de Torres RGS BR

  ALERTA - Graves riscos sobre o Parque de Itapeva podem vir de perseguições políticas ao gestor
INSTITUTO CURICACA· Sem qualquer justificativa, a direção do Departamento de Biodiversidade – Dbio - informou que pretende remover o servidor Biól. Paulo Grubler do Parque Estadual de Itapeva. Segundo relato do próprio gestor, que declara não querer sair, na reunião ocorrida entre ele e a diretora  Liana Barbizan Tissiani , nessa manhã de sexta-feira, não houve justificativas para a remoção. Pelo contrário, havia algo de incoerente na conversa, pois ao mesmo tempo em que recebia uma série de elogios pelo trabalho realizado, sendo referido como um dos melhores gestores do quadro e parabenizado por tudo que fez pelo PEVA, pairava uma insistência na remoção sem respostas aos repetidos pedidos de explicação feitos pelo gestor.
Paulo Grubler sendo empossado pelo ICMBio como conselheiro do Refúgio da Vida Silvestre Ilha dos Lobos.
Suspeita-se que a Secretaria Estadual do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável - Sema -  esteja se submetendo às pressões de setores locais que querem a saída do Paulo, justamente pelo excelente trabalho que ele realiza em prol do Parque e da conservação da biodiversidade e que acaba conflitando com interesses políticos desenvolvimentistas e degradadores da região. O coronelismo local não admite que seus interesses sejam dificultados e sempre teve o hábito de tentar resolver politicamente as questões, mas esse tempo passou. A situação mais recente, que acirrou os ânimos, foi a de fechamento da Praia de Fora para acesso de veículos. Equivocadamente, os coronéis atribuíram o fato à ação do gestor, enquanto a iniciativa, pelo grande problema que causa à fauna silvestre, veio de diversas frentes, inclusive com apoio técnico do Instituto Curicaca e demandas ao
Ministério Público.

O que se espera, é que a reunião entre a diretora do DBio e o gestor tenha tido apenas um caráter de sondagem ao Paulo. É provável, que após ele ter esclarecido que não há interesse, que os prejuízos pessoais, inclusive envolvendo família, seriam muito grandes e que nesse momento há muitos trabalhos no Parque coordenados por ele que não podem ser interrompidos, a diretora Sra. Liana tenha compreendido melhor a situação e não leve adiante a proposta. De qualquer forma, só de pensar o quanto uma medida intempestiva dessas traria de riscos ao Parque, à conservação de sua biodiversidade, aos processos de compra de terra e de planejamento (Revisão do Plano de Manejo e elaboração do Plano de Uso Público) em curso, estamos convocando uma reunião emergencial entre instituições e pessoas que atuam junto à UC para avaliar e definir o que fazer. TOMADO DE FACE DE Célio Paulo Piovesan

No hay comentarios: